sábado, 17 de fevereiro de 2018

dia mundial do Gato


É um profundo erro as pessoas pensarem que apenas por um gato não abanar a cauda, não andar aos saltos e encher a cara de alguém de lambidelas, eles não gostam dos seus donos, de quem os protege e cuida.
Os gatos amam os seus dono de uma maneira profunda, e como qualquer outro ser vivo senciente, totalmente dedicada e genuína.
A dependência afectiva, a ligação ao seu dono é de tal maneira grande que se os gatos forem abandonados, maltratados por quem eles gostam, deprimem e morrem.

Ter o carinho e a dedicação de um gato é um privilégio tão grande, que só quem os tem é que pode perceber.
Imaginem este privilégio multiplicado por... quatro! 😻




uma música para o fim de semana - Whales


Electrónica dançável, teatralizada. Espacial e atmosférica. A rondar o new age.
Os Whales apresentam Ghost num espaço elegante, sereno e minimal, pintado em vários tons suaves de cinzento, onde uma figura de um preto forte vai preenchendo o espaço, perturbando-o, como um pesadelo estraga uma noite que se pretende tranquila.

Gosto mais do embrulho, da sua estética do que o conteúdo, da música. Há uma certa monotonia no tema, falta-lhe uns lampejos de um... pesadelo. De uma cor forte, um estremecimento, uma pedrada no espelho.
Esgota-se ao fim de se ouvir um par de vezes. Mas até lá tudo ok.


Bom fim de semana ☺




Turn your light low,
Buried hide, so
Ease your mind slow,
Burn your shadow

I won't feel,
make it real,
buried hollow

Ghost 

Turn your light low,
Buried hide, so
Ease your mind slow,
Burn your shadow

I won't feel,
make it real,
I won't feel,
make it real,
I won't feel,
make it real,
buried hollow

Ghost


quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

dia de São Valentim


Quando num dia de São Valentim, um amor que nunca deveria ter acontecido, dá origem a um outro que nunca teria acontecido.

Um dia contado ao... contrário.